16 de outubro de 2017

Semana do Milho



Vamos a mais uma edição?? Bora lá.
A escolha desta semana é o milho!
Conhecido no nosso país desde do século XVIII, é um cereal e fruto, cultivado mundialmente. É usado na alimentação tanto de humanos como de animais. 



O milho contém muitos nutrientes, é rico em vitaminas ( A,B, E) e minerais, tal como em fibras. Por isso, previne doenças digestivas (hemorróidas, prisão de ventre),  previne a anemia, controla a diabetes e tensão arterial.

Virando a atenção para a culinária, está cada vez mais introduzido, deixando a sua principal utilização ser apenas as pipocas. Para mostrar isso, trouxe sugestões diversas onde o milho é destacado.

Desejo-vos uma semana cheia de esperança!

http://www.saudedica.com.br/os-14-beneficios-do-milho-para-saude/
https://pt.wikipedia.org/wiki/Milho

Biscoitos de milho

Milho doce sem glúten

Recanto com Tempero
Pipocas no microondas

Broa de milho


Sugar Bites
Muffins de Farinha de Milho
A cozinha da Anita
Bolo de milho côco e laranja

FILETES DE PEIXE-GATO COM SALADINHA DE MILHO


Espreitem  também as minhas pipocas caramelizadas, são um mimo!

11 de outubro de 2017

Semana da Framboesa



Esta semana é da framboesa, estamos na sua época e é por isso que o é melhor agora.
Este fruto tem um sabor doce e suave, sendo utilizado de variadas formas na cozinha, desde gelados, compotas, licores, bolos, batidos,.... é muito utilizado em doces porém em jeito de equilibrar pratos salgados também pode ser um bom aleado.
A sua cor vermelha seduz quem passa por esta, é muito delicada devida à tua textura macia. É rica em vitaminas, fibras e antioxidantes, possuindo inúmeros benefícios, destacando apenas  a prevenção de cancro, fortalecimento do sistema imunológico, redução de rugas e também auxílio na perda de peso.

Esta peseudobaga e fruto agregado, vem do centro e norte da Europa e Ásia, a sua planta é espinhosa e é facilmente confundida com a amora.

Vamos então distinguir este dois frutos??
A primeira diferença prende-se na cor, apesar de esta não ser fiável, em condições normais enquanto a amora é roxa, a framboesa é bem vermelha, mas esta altera-se conforme as espécies e o estado de amadurecimento.
Outra diferença, mais fiável, é o formato. A amora é mais alongada, enquanto a framboesa é mais redonda.  Em termos do conglomerado, a amora regista esse aglomerado de "bolinhas" mais definidas do que a framboesa.

Quanto às sugestões, não poderia deixar de trazer receitas encantadas e doces!!

Tenham uma boa semana =)




Gelado de framboesa e banana - sem glúten



Torta com recheio de doce de framboesa
Folhado de alperce e compota de framboesa


Mousse de framboesa "Dulcis" com morangos


PAVLOVA DE FRAMBOESAS


Bakewell Tart


Fofos De Chocolate Com Coulis De Framboesas

4 de outubro de 2017

Semana do Tomate

Da família das berinjelas, pimentões e malaguetas trago para destaque esta semana o tomate.
Com a sua eterna dúvida se pertence aos legumes ou frutas, para mim é um pouco dos dois.

As suas diferentes espécies  são provenientes da América central e do sul, sendo que o inicio do seu uso na gastronomia ocorreu no México.

É um ingrediente muito importante na cozinha italiana, onde o podemos encontrar em quase tudo. O tomate pode ser ingerido fresco, quente ou seco, desde dos refogados, molhos, saladas, sopas ou doces, é super versátil, e bem presente na cozinha portuguesa.

O seu consumo é muito benéfico, entre outras coisas contém muita água e vitamina C, melhorando o sistema imune, combatendo doenças cardiovasculares, auxiliando na prevenção de cataratas, reduzindo a retenção de líquidos e na prevenção de cancro, em particular o da próstata.


Resta deliciar-vos com as fabulosas receitas que elegi, boa semana!




Recanto com Tempero
Tomate com queijo fresco


 O Prazer da Cozinha
Pizza Night



 A Cozinha da Anita
Almondegas no forno com queijo



 As receitas da mãe galinha
ALMÔNDEGAS COM MOLHO DE TOMATE


 A Casinha das Bolachas
Supremas de Bacalhau com Tomate



 O Pecado mora em Casa
Molho de tomate


 Sugar Bites
Doce de Tomate


Receitas minhas que encaixam no tema desta semana: Feijoada à Nessy, Lasanha de Frango, Doce de Tomate (MFP) e Mini- Folhados Doces.

25 de setembro de 2017

Semana da Beterraba



Olá, olá!!

Esta semana vamos tingir a cozinha em tons vermelhos.... a beterraba vai-nos acompanhar nos próximos sete dias.

Este tubérculo é doce, altamente nutritivo e versátil. Em termos culinários, podemos usá-lo em sumos, saladas, tal como pode ser cozido ou grelhado. A nível nutricional, possui vitaminas A, B, e C, minerais como magnésio, ferro, zinco, ácido fólico e antioxidantes.  
A beterraba tem muitos benefícios, desde desintoxicante, purificador do sangue, anti-inflamatório, digestivo, diurético, entre outros. Deste modo, fortalece o sistema imune, previne e combate a anemia, protege o sistema nervoso, previne o cancro, controla o colesterol, protege o coração, previne cataratas, etc.

A sua cor avermelhada deve-se à betaína. Em situação natural a beterraba conserva-se até uma semana, em local fresco, sem exposição directa ao sol. As suas folhas também são benéficas, sendo semelhantes às dos espinafres. Mas, atenção não se deve exagerar no seu consumo, pois o benéfico torna-se rapidamente prejudicial.


Se vos disser que o destaque da semana é usado como combustível alternativo na Europa?? É usado na preparação de etanol. (e este usado para combustível alternativo)


Esta edição conta com a minha participação. Venham ver as sugestões.







O Pecado mora em Casa
Esparguete com molho de beterraba

Salada com cor
 A cozinha da Anita
Mimos de Pescada Gratinados com legumes
BOLO DE BETERRABA


Brownie saudável de beterraba | sem gluten

Sugar Bites
Hummus de Beterraba

 A vida de Nessy
Molho de Beterraba









Molho de Beterraba

Na verdade, este molho de beterraba é a mistura de molho branco com puré de beterraba cozida.
Se são amantes de molho branco, vão adorar esta versão em tons rosa.
 Para acompanhar carne, massa ou legumes não há melhor. Quem gosta de inovar, pode usar este na lasanha, substituindo o bechamel... fica deliciosa e diferente.




Ingredientes:
20gr manteiga
20gr farinha
250 ml de leite
1 beterraba cozida

Preparação:

  1. Derreter a manteiga num tacho.
  2. Juntar a farinha e mexer muito bem.
  3. Juntar a pouco e pouco o leite, mexendo sempre.
  4. Por fim, adicionar o puré da beterraba cozida (triturada previamente com a varinha mágica).
  5. Misturar tudo bem, temperar com sal e noz-moscada.
  6. Assim que atingir a espessura pretendida, desligar o lume e servir.

21 de setembro de 2017

Chocolate Quente - Tupper Broccoli


Bom dia!!!

Depois das temperaturas altas abalarem, o chocolate quente é o melhor aliado para começar o dia! Ou para o meio da tarde, ou fim de noite, ahahah.

Foi na loja Isto Faz-se, que comprei a saqueta de chocolate quente de leite (há de caramelo e de chocolate preto), gostei muito. Tanto pelo o sabor como pela facilidade de preparação. As pepitas de chocolate podem ser utilizadas com outra finalidade, como decoração, recheio, ou cobertura. O único problema é conter apenas 35 grs. 


Nesta publicação, não posso deixar de destacar a caneca da tupperware. Adoro-a! Porquê? Porque digamos que é uma caneca topo de gama, tem tampa, colher e encaixe para esta. Além de manter a bebida quente por mais tempo, sem nos queimarmos quando lhe tocamos. 


Ingredientes: 200ml leite e Chocolate quente de Leite- Callebaut (35g/ 1 saqueta)
Preparação:"Basta aquecer 200ml de leite e juntar as pepitas de chocolate (a gosto)".
Produtos:
Caneca da : Tupper Broccoli
Saqueta de chocolate quente da loja: Isto Faz-se


"Caneca perfeita, mantém bebida quente, sem aquecer o lado exterior, evitando queimaduras. Ainda conta com tampa e suporte para colher. " - Nessy

18 de setembro de 2017

Semana da Rúcula



É segunda-feira, yeah!!

É dia de rubrica, yeah!!
Temas receitas para a semana inteira,
Tudo muito bom, bom, bom!!

Vamos lá agitar esta edição com a rúcula!!
Esta pertence à família da mostarda, sendo mesmo denominada como mostarda persa. Entre as suas variantes (selvagem ou normal) as suas folhas tornam-se mais ou menos recortadas. É uma planta com poucas calorias, mas muito rica em vitaminas A e C, possuindo ainda ferro e cálcio. 

Em termos de paladar, o sabor é intenso, um pouco picante e amargo, tal como a mostarda. A sua utilização vai desde saladas (crua), a pizzas, sandes, tostas, e uma infinita opções de acompanhamentos de refeições. Liga muito bem com queijo fresco.

Neste momento, espero já vos ter incentivado a provar o destaque da semana, que até há poucos anos era desconhecida e muito desprezado na cozinha, pelo menos pela minha zona.

Contaminado-vos com a minha grande energia, deseja-vos uma excelente semana!!






Salada fria de melão - sem gluten


Salada fresca de salmão e rúcula
Pizza Homemade (vegetariana e sem glúten)



Trigo sarraceno com tomate, rúcula e canónigo


Sanduiches de Atum, Rúcula e Cenoura

Wraps de Frango com rúcula


Fusilli/Espirais com bacon e rúcula